Comunicação para a transformação socioambiental

por Bruna de Alencar

Lista de organizações que passaram já está no ar. Quem passou tem até o dia 13 de junho para responder o novo questionário

Já está disponível a lista das organizações que foram aprovadas na primeira fase da edição 2022 do Prêmio Melhores ONGs. A partir desta terça-feira (10/5) as organizações selecionadas podem começar a responder o questionário da segunda fase, uma avaliação mais detalhada que ajudará a banca a selecionar as melhores ONGs do Brasil. O prazo vai até o dia 13 de junho.

As organizações selecionadas vão receber um email da coordenação do Prêmio e devem responder EXCLUSIVAMENTE pelo link que chegar por lá.

Quer saber se a sua ONG está na lista? Confira aqui.

E quem não passou?

As ONGs que não foram selecionadas para a segunda fase devem receber uma devolutiva até o mês de agosto. A intenção desse feedback é que elas saibam em que pontos devem investir para chegarem mais fortes à edição de 2023.

3 dicas para quem passou

Fernando Nogueira, que é pesquisador da Fundação Getúlio Vargas (FGV) e, desde a primeira edição, coordena a comissão avaliadora do prêmio, dá três dicas valiosas para as que passaram:

1. Os documentos enviados na segunda fase são muito importantes. Não avaliamos a aparência ou diagramação, mas o conteúdo. Esses materiais precisam ser consistentes com a realidade, porte e desenvolvimento da organização. É interessante que as informações estejam bem organizadas, mas o fato de o documento ser elaborado por um profissional de design ou consultoria não conta pontos.

2. Para as respostas abertas, a principal dica é relê-las e verificar se elas realmente respondem tudo o que foi pedido. Uma boa ideia é pedir para outra pessoa ler aquilo que foi escrito, como um voluntário ou alguém do departamento de comunicação. Essa pessoa pode dar alguns feedbacks que ajudem a melhorar a clareza do documento final a ser enviado.

3. A consistência também conta pontos. Nossa banca avaliadora compara as respostas da primeira e da segunda fase para avaliar esse quesito. Várias das perguntas da segunda fase são continuações, com aprofundamento, de questões que começaram a ser levantadas na primeira. Se na primeira fase a organização respondeu que tinha um plano de comunicação, por exemplo, esse documento terá que ser enviado na segunda. Isso nos dá mais evidências sobre a qualidade e confiabilidade das informações. fornecidas pela ONG.

Imagem: depositphotos

Compartilhe este post

outras matérias